Como Fazer Um Filme Pornô, O Guia Definitivo

31 de outubro de 2008 • Por j noronha, em Humor
filme_porno1

Assim como o agente Mulder, eu já fui um apreciador de filmes pornôs. Com o tempo, meu interesse foi diminuindo, junto com a qualidade dos mesmos. Hoje em dia, só mesmo a curiosidade, cada vez mais rara, me faz freqüentar a sessão adulta da locadora.

E a culpa não é minha, não me tornei menos tarado com o tempo, os filmes é que entraram em uma espiral descendente de falta de qualidade que parece não ter fim.

Filmes Estrangeiros

Com exceção dos japoneses e algum freak show alemão, todos os filmes produzidos mundo afora sofrem influência da indústria americana. É impossível saber onde um filme foi feito se tirarmos o volume da televisão.

As atrizes, sejam loiras ou morenas, têm todas o mesmo tipo físico e reproduzem a mesma mímica artificial que causa qualquer coisa, menos excitação no público.

Tirando adolescentes espinhentos que vêem novidade em tudo, um adulto dificilmente consegue manter a atenção e ficar acordado depois de 30 minutos de Oh yeah, oh yeah gritado hipnoticamente, como um mantra débil-mental, a 120 decibéis.

Mas qualquer filme pornô internacional pode ser considerado uma maravilha da sétima arte, se dermos uma olhada na…

Produção Brasileira

Nossos produtores seguem à risca as “tendências internacionais”, segundo alguém do meio a quem assisti sendo entrevistado.

Se filmes pornôs seguem uma série de clichês, o filme pornô brasileiro acrescenta alguns agravantes aos mesmos. Senão vejamos.

Dos Atores

WTF?

  • A imensa maioria dos atores brasileiros parece ter dificuldades com conceitos básicos como falar e caminhar ao mesmo tempo. Todos, invariavelmente, têm cara de pitboys que acabaram de carbonizar um índio antes de entrar no estúdio.
  • O figurino destas bestas reflete o item anterior. Tocas enfiadas nas orelhas, mesmo gravando na praia; camisetas modelo regata; tatuagens de gosto duvidoso, piercings na língua (nããããããoooo) e calças com metade da bunda de fora.
  • Sua atuação resume-se a bater incessantemente na cara das atrizes e em outras partes do corpo que estiverem por perto, utilizando para isso as mãos ou outras partes menos publicáveis do corpo.

Das Atrizes

  • 99% das atrizes pornôs brasileiras têm cara de empregada doméstica. Não se deixe enganar pelas capas repletas de Photoshop. Quando o filme começa, é um festival de cicatrizes de cesariana, pelos mal depilados e manchas nas coxas.
  • Há exceções, claro, mas essas, assim como as outras, invariavelmente contracenam com os pitboys, o que torna qualquer clima vagamente erótico impossível.
  • Recentemente, subcelebridades que sumiram da mídia nos anos 80 e 90 decidiram voltar através do mercado pornô. Isso gerou um subgênero que causa mais curiosidade mórbida do que qualquer outra coisa. Confie em mim. Se você teve uma atração irresistível por alguma musa da sua adolescência, faça um favor a si mesmo e não assista a nada que ela fizer de filme pornô. Eu assisti à estréia da Regininha Poltergeist no meio e me arrependi até a medula. Antes tivesse ficado com a imagem da mesma rebolando lépida e fagueira em um biquíni rosa, no auge da boa forma.

Do Figurino

Alguém estabeleceu os pilares da indumentária pornô, utilizando sabe-se lá quais critérios, e isso se tornou um dogma imutável através dos tempos. Todo filme pornô produzido na face da terra segue isso à risca.

Salto Alto

Aparentemente, mulheres ficam mais sexy utilizando um salto de 25cm, em toda e qualquer situação, 24h por dia. Elas não tiram o salto alto nunca, seja na piscina, no banho ou na cama.

O salto deve ser fino, muito fino, o que para mim torna tudo muito mais broxante ainda. Eu não ficaria à vontade com uma mulher que pode furar meu olho com um salto agulha, tão agulha que parece faltar apenas uma seringa, em um movimento mais desajeitado.

Cinta-Liga e Afins

Tudo bem, uma cinta-liga pode ser sexy. Mas quantas mulheres você conhece que usam isso o tempo inteiro? E a novidade, onde fica? Todo filme pornô mostra mulheres vestidas como se fossem trabalhar na Tia Carmen.

E o restante da roupa? Considerando que a maior parte da produção acontece no Rio e em São Paulo, qual a probabilidade da temperatura permitir o uso de um casaco de peles?

Alimentação

Morango com champanha, não importa a hora do dia ou da noite. Quer conquistar uma mulher, quer parecer sexy para um homem? Morango com champanha.

Nesse caso, é permitida apenas uma variação: morango com chantily. Esqueça o almoço, o jantar ou qualquer outra coisa.

Se no futuro arqueólogos tentarem entender nossa civilização através dos DVDs pornôs encontrados, concluirão que nos vestíamos como pitboys ou dançarinas de strip tease e nos alimentávamos à base de champanha, morangos e chantily.

Dos Subgêneros

Se no passado pornô era pornô e ponto final, hoje em dia existe um subgênero para cada gosto possível e imaginário. Acredito até que muitos subgêneros são criados à espera do possível público.

Mas isso não é nada, o pior é a enganação em alguns nichos.

Amadores

Em um determinado momento, alguém descobriu que produções caseiras tinham mais apelo pela naturalidade. Foi o que bastou para matar o gênero.

Hoje em dia, existe toda uma indústria com diretores, atores e atrizes especializados em filmar cenas caseiras.

Voyeur

As pessoas são curiosas por natureza, todos gostam de espiar, certo?

O cinema pornô sabe disso e, adivinhe? Toma câmera “escondida”.

Claro que você acredita que as mulheres se masturbam aos gritos, revirando os olhos e utilizando vibradores que parecem mais um míssil teleguiado.

Carnaval

Subgênero típico brasileiro, criado por culpa da Band.

Em uma época remota nos idos do século passado, a então TV Bandeirantes transmitia bailes de carnaval direto dos salões cariocas. O mulherio, que na época já gostava de aparecer, se exibia e, sozinhas ou em grupos, passavam a impressão de que tudo era uma grande orgia romana.

Uma semana ou duas após o Carnaval, surgiam os vídeos com “aquilo que a TV não mostrou”.

Esse filão foi se corrompendo, primeiro oferecendo dinheiro, ou passando a conversa pura e simples, nas mulheres dos bailes, para que as mesmas gerassem mais ação. Depois, infiltrando atores e atrizes no meio dos salões, para protagonizar as cenas calientes.

Por último, deixaram apenas os atores e atrizes e removeram o público normal. Está pronta a receita do pornô de carnaval pasteurizado.

O Futuro

O gênero irá sobreviver? Certamente, enquanto pessoas nascerem haverá interesse por filmes pornôs. As tendências continuarão a surgir, os dogmas continuarão a ser praticados.

Mas ao menos podiam tirar o salto alto, aquilo me dá arrepios.

Compartilhe

46 comentários

  • André • 31/10/2008

    Em tempo: morreu o diretor de “Garganta Profunda”.
    http://g1.globo.com/Noticias/Cinema/0,,MUL838648-7086,00-MORRE+DIRETOR+DE+GARGANTA+PROFUNDA.html

    Responder
  • FiliPêra • 31/10/2008

    E Eu achando que era só comigo esse lance de estar desconte com os filmes pornôs…

    Responder
  • Johnny Rox • 31/10/2008

    Nunca mais aluguei um filme pornô depois que descobri o Pornotube e o Keezmovies. Em vez de ficar avançando as cenas tediosas com 40 minutos de vuco-vuco, com a internet se vai direito ao ponto em sequências curtas e segmentadas por tema.

    Responder
  • Henrique Artur Wint • 31/10/2008

    O figurino do filme pornô nacional também é algo que nunca vi em qualquer outro pornô. Fazer um filme que se passa na idade média com espadas de plástico que guris de 3 anos brincam é demais, além do celular…

    Responder
  • manufotos • 01/11/2008

    é verdade são duas horas de pura aberração que cansa,sem falar a falta de enrredo arg!

    Responder
  • Frajola • 03/11/2008

    Cara descordo que o filme porno não inova. Tá certo o cara precisa pesquisa muito pra achar algo realmente bom. Eu admiro muito o trabalho da Belladonna, ela conseguiu criar um conceito bizarro em seus filmes que os tornam verdadeiras obras de arte. Mas em termos tupiniquim sim, soh existe lixo nunka vih algo descente na produção de filmes pornos brasileiros

    Responder
  • NTK • 06/11/2008

    O pessoal vai ver Marc Dorcel ou Belladonna

    Isso sim é filme bom.

    Responder
  • Diego Kober • 10/11/2008

    Em relação a Alimentação, que você fala no texto, tem um filme que eu vi, muitos anos atrás, que era um casal, e antes de partir pra briga, eles jantaram, e o maravilhoso jantar que o cara preparou pra mulher, era um Miojo com um bife.
    Eu ri muito quando vi essa cena, a cara de feliz da mulher quando viu a comida, a atriz devia estar com fome a muito tempo.
    Mas o cinema adulto está realmente em declínio.

    Responder
  • Sergio • 22/11/2008

    pq as atrizes de filme porno usam salto alto?
    pl 14:
    http://www.imeem.com/dialogs/standaloneplaylist/?p=T58GOm2h

    Responder
  • Leandro • 10/12/2008

    Cara, para o Brasil falta mesmo é dinheiro e profissionalismo para fazer um bom filme. Mulher bonita tem. Os filmes são ruins demais. Parece que os caras ganham muito dinheiro mas pelo visto não repassam para a produção.
    Esse negócio de ficar dando porrada o tempo todo na mulherada também é um broxante. Se eu fosse um emaníaco estuprador, talvez ficasse um pouco exitado.

    Responder
  • Daflas • 26/02/2009

    Nunca postei comentários em qualquer site que entrei, mesmo aqueles que me interessaram muito. mas aqui abri uma excessão. De fato devo concordar em gênero , número e grau sobre as caricaturas pornográficas que invadem as locadoras já há um bom tempo. Se é pornô brasileiro então, não desce nem depois da meia-noite com duas grades de cerveja pra ajudar. Assim como você, já apreciei muito o gênero mas, como é natural que todos amadureçam em algum momento, tenho naúseas só em olhar para a capa de um filme pornô brasileiro. A falta de criatividade nessas produções é realmente gritante e se referir a elas assim é até delicadeza. O problema da não-exploração da vestimenta feminina é um ponto que sempre percebi nesses filmes. Não concebo um diretor que coloca uma atriz corpazil em uma cena onde ela aparece de minissaia, e o cara não sabe sequer explorar a vestimenta da mulher, parece que não se interessa em enfatizar os fetichismo que é tão corrente nas pessoas. O ator chega e já vai arrancando toda a roupa da gata, até parece que nunca viu uma mulher sem roupa antes. Esse é apenas um dos pontos, se fosse elencar outros seguiriam linhas a fio. Os filmes italianos ainda são uma excessão para mim. Gosto dos filmes de Mario Saliere, por exemplo. Os de MArc Dorcel ainda são uma boa pedida também, apesar desse diretor já ter cometido alguns vacilos em suas produções. No mais,para mim pornô tem que ter uma boa trama, uma estória e isso eu nunca vi em uma produção brasileira de quinta com cenários limitados e atores e atrizes que não sabem interpretar absolutamente nada. Até o Frota me decepcinou. A Leila Lopes então… Desculpe o comentário extenso.

    Responder
  • Luiz • 18/04/2009

    falou tudo o que eu digo e os outros riem. =D

    Responder
  • tapiocaria • 09/06/2009

    Como fazer um filme pornê: o guia definitivo http://bit.ly/e694s

    Responder
  • kaio castro • 09/06/2009

    RT @tapiocaria: Como fazer um filme pornô: o guia definitivo http://bit.ly/e694s

    Responder
  • Raphael Rezende Bueno • 13/09/2009

    eu queria saber como produzir filme porno com pouco recurso e a quem recorrer em Goiania.

    Responder
  • marcio • 14/09/2009

    quero ser ator porno

    Responder
  • L e C • 06/12/2009

    Em breve vocês saberão o que é um bom filme pornô…aguardem!

    Responder
  • nadia Cruz • 07/06/2010

    O porno no Barsil ainda esta muito longe de ser uma boa apimentada, tantas facetas pra serem exploradas, fetiches comuns a casais…mas nada disso parece passar pela cabeca dos diretores, penso por que sera que todos os homens sao maniacos estupradores e as gatas pobres coitadas escravas do sexo?
    fala serio…
    Enredo…simples e puro, sexo com muito desejo…isso sim pareceria bom.

    Responder
  • Rosana Soriano • 20/07/2010

    RT @jnoronha Como Fazer Um Filme Pornô, O Guia Definitivo | O Fim da Várzea http://bit.ly/m4tHg

    Responder
  • Digo • 10/09/2010

    Para ser chamado de filme, precisa ter enredo, principio, meio e fim.
    Iluminação, maquiagem e som que dêem um toque especial ao ambiente que também deverá estar preparado para as gravações. Falar, caminhar, gesticular, olhares, pele, cabelo, brilho, respiração, etc.
    Será que dá pra entender o que é uma produção, ou a putaría é isto que está a amostra tanto no cinema pornô quanto no cinema comum nacional?
    E ainda reclamam de não serem indicados a prêmios no exterior. Acorda Brasil.

    Responder
  • j. noronha • 28/10/2010

    @bqeg @fbjr todo dia recebo email de neguinho querendo fazer filme pornô por causa desse post http://t.co/hNx4ec7

    Responder
  • Fernando B. Junior • 28/10/2010

    LOL LOL RT @jnoronha: @bqeg @fbjr todo dia recebo email de neguinho querendo fazer filme pornô por causa desse post http://t.co/hNx4ec7

    Responder
  • Emanuelle Najjar • 26/02/2011

    Como Fazer Um Filme Pornô, O Guia Definitivo | O Fim da Várzea http://t.co/b6ZJHBE via @jnoronha // #RIALTO

    Responder
  • Adônys • 18/05/2011

    5 Lições de Vida d'O Poderoso Chefão: http://t.co/29tkHHS

    Responder
  • Jennifer Almeida • 25/05/2011

    Vou ali assistir algum filme. Deixo vc com 5 lições de vida aprendidas com O Poderoso Chefão: http://bit.ly/fMKGI É antigo mas sempre vale!

    Responder
  • suellen costa lima • 30/05/2011

    Despertador Web | O Fim da Várzea http://t.co/mueMzDe via @jnoronha

    Responder
  • Renata Rezende • 02/06/2011

    @thiagoramacioti @raissaramacioti kkkkk vejam isso: http://www.ofimdavarzea.com/5-licoes-de-vida-do-poderoso-chefao/

    Responder
  • Bruno • 05/06/2011

    Lições de vida de ninguém menos que Don Corleone… http://fb.me/Z3oEm7Mu

    Responder
  • camille gabriela • 10/06/2011

    As 50 Melhores Músicas Brasileiras dos Anos 80 | O Fim da Várzea http://t.co/i5ykp39 via @jnoronha

    Responder
  • Leonardo Gadêlha • 10/06/2011

    5 liçoes de vida com "O Poderoso Chefão":http://www.ofimdavarzea.com/5-licoes-de-vida-do-poderoso-chefao/

    Responder
  • Anna Sousa • 11/06/2011

    @JOHN_TRANE http://www.ofimdavarzea.com/

    Responder
  • Anna Sousa • 11/06/2011

    20 Sinais Inconfundíveis de Que Você é Brasileiro | O Fim da Várzea http://t.co/Fo1PIhj via @jnoronha

    Responder
  • Caroline de Castro. • 17/06/2011

    @isitkillingyou http://www.ofimdavarzea.com/os-100-melhores-filmes-da-sessao-da-tarde-parte-1/ no final da página tem a parte 2.

    Responder
  • Carol Queiroz • 30/06/2011

    kd @lucasxc? rs 5 lições de vida do Poderoso Chefão: http://t.co/n3sdiDA via @vanpaulinha

    Responder
  • Lucas Xavier • 30/06/2011

    muito boas! RT @caronliine kd @lucasxc? rs 5 lições de vida do Poderoso Chefão: http://t.co/vqEXZET via @vanpaulinha

    Responder
  • R E N A T A ‘ S • 04/07/2011

    Simulado da Prova Teórica do Detran: RJ, SP, BA, AL, PE, SE, PR | O Fim da Várzea http://t.co/Q9Bmnk1 via @jnoronha

    Responder
  • Igor Toledo • 16/07/2011

    Poderoso Chefao é quase uma biblia mano. Se liga http://t.co/vwgmWRd

    Responder
  • Gabriel Lima • 16/07/2011

    RT @jnoronha: 5 Lições de Vida d'O Poderoso Chefão http://t.co/1OlT9Kw

    Responder
  • Piratta 2t. • 20/07/2011

    http://ofimdavarzea.prohost.mobi/

    Responder
  • Lucaas Torrees • 21/07/2011

    descubra vc tbem. http://t.co/8jq9IbV

    Responder
  • Leonardo Kristem • 21/07/2011

    http://t.co/vw0EX8d – Esse blog é dos meus rsrsrs

    Responder
  • José Quaresma • 22/07/2011

    5 coisas q vc deve saber sobre o poderoso Chefão -> http://t.co/Psr3BZm

    Responder
  • Rodolfo, o Nômade… • 29/07/2011

    isso aqui é verdade: http://t.co/0wpWdTp

    Responder
  • Maria Fernanda Costa • 01/08/2011

    SEUS PROBLEMAS ACABARAM! http://www.ofimdavarzea.com/na-rede/despertador-web/

    Responder
  • Paulo Apollo • 23/08/2011

    OS piores filmes pornôs http://t.co/wpcEIOv

    Responder
  • Raphael Costa • 11/11/2011

    Como Fazer Um Filme Pornô, O Guia Definitivo http://t.co/WQIzI01U @jnoronha

    Responder

Deixe seu comentário!