Antes de me adicionar como amigo no Facebook


Oi.

Que bom que você chegou a esta página. Espero que leia até o final antes de me adicionar como amigo no Facebook. Se não quiser ler não tem problema, é só não me pedir amizade, e se possível esquecer que eu existo (afinal, é o mínimo que eu posso pedir, não é mesmo?).

Caso decida deixar um pedido de amizade no meu perfil, você tem que estar ciente de algumas coisinhas.

Não tenha apenas vídeos na sua linha do tempo

Poucas coisas me irritam mais do que a profusão de vídeos na Internet. Detesto vídeos, detesto áudios, gosto de texto. Se você é incapaz de escrever o que você pensa, e precisa de vídeos (seus ou dos outros) para expressar seus sentimentos e opiniões, lamento, mas eu não terei paciência para você.

Não seja putinha da autoajuda

Outra coisa que irrita demais é a mania que muita gente tem de só compartilhar montagens fofinhas (no entendimento delas) com frases de autoajuda.

Se você não consegue escrever com suas próprias palavras o que você pensa, então não terei paciência. Desculpe.

Que o perfil seja seu, não do seu trabalho

É claro que quem ama o seu trabalho vai divulgar eventos, posts de blog, ou o que quer que seja em seu perfil pessoal. É natural.

Entretanto, se eu entrar no seu perfil e a maioria dos seus posts for divulgação do seu trabalho, terei certeza de que você é um spammer de merda, que não está interessado na amizade de ninguém, e sim desejando encontrar otários para comprar seja lá o que você estiver vendendo.

Vá desculpando, mas se for o caso não terei paciência para você.

Não seja crente (ou ateu) fanático

Eu tenho horror de crente fanático, que só fala em diabo, inferno, e que acha que tem o direito de fiscalizar a vida alheia. Se for o seu caso, por favor fique com a sua crença para lá que eu fico com a minha para cá.

Aliás, tão ruim quanto um crente fanático é um ateu fanático, do tipo que vive para negar a existência de Deus e ridicularizar os crentes.

Não tenho saco, falei?

Eu odeio futebol

A coisa mais asquerosa que existe na face da terra são os torcedores de futebol, quanto mais apaixonados pior.

Se você gosta de futebol, tira sarro com as torcidas “adversárias” e fala disso no Facebook, não me leve mal mas eu não vou tolerar você. Por favor, não siga em frente com o seu possível pedido de amizade: respeite-me para fazer-se respeitado.

Não seja homofóbico, nem racista, nem xenófobo

Acho que não preciso explicar, né?

Achar-me bonito não é suficiente para me pedir amizade

Tem muita gente desocupada que só por me achar bonito (eu sei que sou, e minha mãe concorda) acha que tem o direito de pedir amizade, mandar mensagens, cutucadas, sei lá o que mais.

Vai se foder se o que você quer é arrumar affairs no Facebook. Não é a minha viagem e não dou o menor assunto para esse tipo de coisa, bloqueio direto quando percebo.

Se não temos amigos em comum, eu vou te bloquear

Se tivermos amigos em comum vou analisar sua timeline antes de decidir bloquear ou aceitar o pedido de amizade. Se não tivermos amigos em comum, vou bloquear sem dó. Se não quiser ser bloquedo, mande uma inbox dizendo de onde nos conhecemos, e aí poderei ser menos radical.

Em resumo

Estou sempre aberto a pessoas que sejam inteligentes e divertidas, não tenho saco para gente burra, preconceituosa ou mau caráter. Só isso.