#365Posts – Quando a intuição não falha


Há momentos da vida em que a intuição não falha. No meu caso, quando um prospecto aparece eu imediatamente sei quando não vai dar certo. Às vezes eu me engano quando penso que vai dar tudo certo, porém quando a primeira impressão é de que não vai rolar, então eu continuo negociando com o prospecto apenas por desencargo de consciência. Em quase doze anos de PortoFácil, eu nunca fui positivamente surpreendido.

Devido aos preços mais altos dos meus serviços, é comum que os caras só me procurem quando já tentaram todas as hospedagens baratinhas e se ferraram. Aí, existem três caminhos possíveis para um prospecto recém chegado.

No primeiro caso a pessoa tem o perfil para ser meu cliente, a identificação mútua acontece, e fechamos negócio.

No segundo caso a pessoa só quer pegar dicas para tentar “consertar” sua hospedagem podre, e tira de mim o máximo de informação que pode, para levar para o “concorrente”. Engana-se a pessoa ao pensar que está me ludibriando. As informações que dou são conscientes, e eu não as sonego porque morro de vergonha alheia de quem precisa “roubar” conhecimento, por ser incapaz de construir o seu próprio.

No terceiro caso o sujeito fica bravo comigo por causa da minha intransigência em saber mais sobre os servidores que configuro e os sites que neles vão rodar que os próprios clientes (donos dos sites). É pouco comum que saiam falando mal publicamente, mas não é tão incomum assim que fiquem de nariz torcido comigo um longo tempo.

Assim como eu me recuso terminantemente a fazer prospecção ativa de clientes (sair oferecendo meus serviços mundo afora), não me incomodo em “perder tempo” com prospectos infrutíferos. Minha empresa não é uma empresa comum, uma vez que desde o princípio o principal valor que me norteia na sua condução é não perder contato com os meus próprios valores pessoais. E só pode ser um cliente satisfeito da PortoFácil quem tiver valores pessoais compatíveis com os meus.

E parece que a gente fareja à distância quem não tem os mesmos valores que os seus, né?

Compartilhe

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 4.6
Total de Votos: 11
#365Posts – Quando a intuição não falha

Janio Sarmento
Administrador de sistemas, humanista, progressista, apreciador de computadores e bugigangas eletrônicas, acredita que os blogs nunca morrerão, por mais que as redes sociais pareçam cada vez mais sedutoras para as grandes massas.

Comente!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.