#365Posts – O implante coclear e a emoção de ouvir pela primeira vez

Quem tem o privilégio de ouvir desde que nasceu não faz ideia da emoção que experimenta alguém surdo de nascimento, ou que por alguma circunstância tenha adquirido deficiência auditiva, ao ouvir (ou voltar a ouvir) pela primeira vez.


O implante coclear, ou ouvido biônico, é um dispositivo eletrônico que é parcialmente implantado no paciente, cujo objetivo é dar ao usuário a sensação auditiva próxima ao fisiológico.

É composto de duas partes, uma que fica externa (contendo um microfone e um transmissor junto ao crânio) e outra interna (na cóclea) com o receptor e demais componentes capazes de estimular o ouvido interno e facultar a audição a quem outras técnicas (como aparelhos auditivos convencionais, amplificadores) não deram resultado.

Felizmente não preciso de um aparelho desses, mas não pude deixar de me emocionar ao ver o vídeo de Cooper, um menino de dois anos, ouvindo pela primeira vez o som da voz de sua mãe.

Como hoje estou particularmente emotivo, também fiquei bastante emocionado com os outros vídeos logo abaixo.

Menino de oito meses ouvindo pela primeira vez a voz da mãe:

Mãe que ouve a voz do filho de oito anos pela primeira vez (para quem não entende Inglês, a senhora primeiro conta o quão difícil e exaustivo é comunicar-se com as pessoas, e o do medo de ouvir a voz do filho, que ela imagina como seja — não é surda de nascença — mas nunca ouviu de verdade):

E feliz dela que a primeira coisa que ouviu do moleque foi “eu te amo”.

Se quiser mais informações procure no Google, ou vá direto ao site oficial em Português: Implante Coclear.

Compartilhe

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 4.8
Total de Votos: 9
#365Posts – O implante coclear e a emoção de ouvir pela primeira vez

Janio Sarmento
Administrador de sistemas, humanista, progressista, apreciador de computadores e bugigangas eletrônicas, acredita que os blogs nunca morrerão, por mais que as redes sociais pareçam cada vez mais sedutoras para as grandes massas.

Comente!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.