#365Posts – Configurando boot em modo texto no Ubuntu 12.04

Um tutorial para desabilitar o "boot gráfico" do Ubuntu, que mais atrapalha do que ajuda a vida de um administrador de sistemas.


Uma das piores chatices do Ubuntu 12.04 “padrão” é que ele vem com o tal do Plymouth ativo, cujo objetivo é esconder as assustadoras mensagens que o sistema operacional emite durante a inicialização.

sdfdsf

Rocha de Plymouth – saiba mais

Até acredito que para quem use o Ubuntu em uma máquina estritamente doméstica faça algum sentido ocultar as mensagens do boot, e ficar um tempão olhando para uma tela roxa com umas bolinhas piscando. Mas para um administrador de sistemas, não saber o que está acontecendo durante a inicialização de uma máquina, principalmente se for um servidor, é causa de paranoia e desespero.

Penei um bocado para conseguir desabilitar de maneira definitiva o “boot gráfico” nos meus VPSs Ubuntu, então resolvi colocar o passo a passo aqui para minha futura referência, ou para a de quem eventualmente venha a precisar.

Desativando o boot gráfico no Ubuntu 12.04

O primeiro passo é editar o arquivo /etc/default/grub. Neste arquivo deve-se modificar a variável GRUB_CMDLINE_LINUX conforme abaixo:

GRUB_CMDLINE_LINUX="init=/sbin/init -v noplymouth INIT_VERBOSE=yes"

Em seguida deve-se remover o comentário que antecede a linha GRUB_TERMINAL, que deverá ficar configurada conforme abaixo:

GRUB_TERMINAL=console

Logo em seguida, deve-se adicionar a linha abaixo, logo depois da linha cujo comentário acabou de ser removido:

GRUB_GFXPAYLOAD_LINUX=text

Agora é só salvar o arquivo, atualizar o Grub e reiniciar o servidor:

update-grub
reboot

Pronto, agora é só curtir o bom e velho boot em modo texto.

Compartilhe

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 4.36
Total de Votos: 11
#365Posts – Configurando boot em modo texto no Ubuntu 12.04

Janio Sarmento
Administrador de sistemas, humanista, progressista, apreciador de computadores e bugigangas eletrônicas, acredita que os blogs nunca morrerão, por mais que as redes sociais pareçam cada vez mais sedutoras para as grandes massas.

Comente!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.